Banner juvino publicidade

Rondônia

Suicídio 24/10/2018 19:03 Fonte: Folha do Sul Online

Após morte de mais uma aluna do IFRO em Vilhena, instituição federal se manifesta e aborda suicídios

Último caso foi registrado ontem em Vilhena, no bairro BNH

A morte de mais uma vilhenense, Heluiza Vitória Nascimento Haas, de 16 anos, estudante do IFRO na cidade, levou a nossa redação a abordar o caso, em virtude da repercussão e da apreensão provocadas. O fato foi registrado na tarde desta terça-feira, 23, no bairro BNH.

O site havia adotado a postura de não noticiar mais este tipo de episódio, porém, diante dos indícios de que a morte da garota estaria ligada ao mesmo gesto cometido por uma colega dela, de 15 anos, no mês passado, a versão do IFRO foi solicitada.

A página eletrônica, no entanto, continua mantendo as recomendações básicas para lidar com o delicado tema: evitar exposição de nomes e fotos, não revelar os métodos usados e tentar transformar a tragédia em alerta.

Amigos e contatos da adolescente nas redes sociais confirmaram que, desde a morte da amiga, ela vinha postando mensagens aparentemente suicidas. Também há, num aplicativo de recados, indícios de que outros estudantes estariam incentivando a menor a cometer o que a família buscava evitar.

O QUE DIZ O IFRO

Após o contato de nossa redação, a instituição federal enviou uma carta ao site, mas a correspondência é dirigida a toda a sociedade. Confira abaixo, a íntegra da correspondência.

Carta à sociedade para apoio mútuo aos nossos adolescentes

O IFRO (Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia) vem a público fazer um chamamento social de apoio aos nossos adolescentes. Diante da perda de duas estudantes no Campus Vilhena todos da instituição se unem na dor que familiares, alunos, professores, técnicos administrativos e amigos estão passando. Como instituição de ensino desejamos que os alunos cresçam pessoal e profissionalmente, mas esse mal que flagela os jovens neste século, atinge a nossa escola e a toda sociedade. Conforme a Organização Mundial da Saúde (OMS), o número de suicídios é de 800 mil por ano, uma emergência médica. 

Queremos neste momento de dor, demonstrar solidariedade não só a nossa comunidade, mas a todos e a todas as famílias que sofreram e sofrem desse mal, para que juntos possamos reunir forças em torno da vida e do futuro da juventude do Cone Sul de Rondônia. 

As ações primeiras, relacionadas aos procedimentos e ações administrativas, o IFRO tem tomado, e também tem realizado atividades que visam apoiar a comunidade no período de luto e tudo que o envolve, mas o problema é superior às paredes escolares. 

Com isso, fazemos um chamamento às demais escolas, à sociedade, à imprensa, às igrejas, aos conselhos de defesa e profissionais e a todos os órgãos da sociedade civil que se unam nesta causa. 

Temos muitos casos de alunos que estão ganhando o mundo profissional e acadêmico, alcançando seus objetivos pessoais. É isso que sonhamos para todos os jovens do nosso Estado. Superar as dificuldades trazidas pela sociedade moderna e que afetam a formação escolar, as relações interpessoais, familiares e todos os segmentos nos quais eles estão inseridos.  Auxiliá-los a alcançar novas conquistas e superar obstáculos, porque a vida é feita de objetivos a serem atingidos: no amor, na fé, na profissão, na família, nos estudos e outros. 

Para proteger nossos jovens, precisamos ver o problema como um fator mais profundo, em vez de apontar responsáveis, queremos amparar a vida de estudantes e servidores. Em todo o País os institutos federais trabalham pela formação do cidadão pleno (focado no respeito, na cidadania, na responsabilidade social e no autocuidado), atuando em parceria e união social desde ações de extensão e ensino aos momentos de pesquisa. 

Há dentro de cada unidade da instituição um cuidado à integridade física e emocional do estudante, feita por equipes multidisciplinares compostas por psicólogos, assistentes sociais, enfermeiros, nutricionistas, intérpretes de LIBRAS, pedagogos, assistentes de alunos e os técnicos em assuntos educacionais, que atuam de forma complementar aos docentes. Essa equipe multidisciplinar realiza cotidianamente atividades de apoio aos estudantes e de valorização da vida, dentre elas, acompanhamento psicológico de alunos, campanhas de saúde mental e combate ao bullying, orientações para os familiares e encaminhamentos para a rede de apoio quando há necessidade de acompanhamento médico ou outro.

Há no Campus Vilhena, inclusive, assistentes de alunos que estão em contato direto com os estudantes e realizam encaminhamentos à Coordenação de Assistência ao Educando (CAED) quando detectam possíveis casos de atenção. Reforçamos, que o nosso setor de psicologia está em contato constante com a CAPS e parceria com médicos psiquiatras da cidade. Há desde o início do ano, no campus, um reforço na articulação interna e com outras esferas na busca por unir forças para amenizar a problemática apresentada na cidade de Vilhena. 

O jovem sempre foi (e sempre será) nossa maior riqueza. Precisamos mostrar a eles que os problemas sempre surgirão e é preciso força para enfrentá-los. 

 AÇÕES GERAIS EMPREENDIDAS PELO IFRO:
•     Atendimento humanizado aos seus estudantes.
•     Atendimento biopsicossocial das ações com equipes de saúde, atendimento social, orientação pedagógica e concessão de auxílios estudantis (PROSAPEX - Programa de Atenção a Saúde e apoio ao ensino, pesquisa e extensão; PROAP - Programa de Auxílio à Permanência; PROMORE - Programa de Auxílio Moradia; e PROAC - Programa de Auxílio Complementar).

AÇÕES EMPREENDIDAS PELO CAMPUS VILHENA EM 2018:
•     Capacitação sobre depressão – Psiquiatra Adriano Pereira Stranieri (fevereiro);
•     Recepção aos alunos: atividades de ambientação e de integração entre os alunos: trote solidário;
•     Reunião de pais;
•     Campanhas: saúde mental e combate ao bullying;
•     Ações de orientação para os estudos, acompanhamento das dificuldades de aprendizagem, projeto “como falar em público”, para trabalhar a timidez;
•     Relacionamento interpessoal (equipe da CAED e professores conselheiros de cada turma realizaram intervenções sobre o assunto);
•     Dia do Estudante: atividades para fortalecer os laços entre os alunos;
•     Projeto assessoramento pedagógico, para acompanhar alunos reprovados e evitar que se sintam sozinhos no processo;
•     Duas psicólogas realizam atendimentos no campus, orientações para os familiares e encaminhamentos para o CAPS quando há necessidade de acompanhamento médico;
•     Os professores e demais servidores, sempre que percebem comportamentos diferentes realizam encaminhamentos para o setor de psicologia;
•     O nosso setor de psicologia está em contato constante com a CAPS e com médicos psiquiatras da cidade;
•     Semana de Educação para a vida: Timidez na adolescência (psicólogo Adriano J. S. Gomes); 
•     Roda de conversa com todos os alunos da instituição, onde puderam se abrir e expor seus sentimentos (uma reunião em cada turno);
•     Roda de Conversa com os pais, explicando sobre saúde mental e sobre prevenção;
•     Roda de Conversa com os servidores, possibilitando que cada um expusesse seus sentimentos;
•     Visita de dois psicólogos da Reitoria, que conversaram com alunos e servidores, oportunizando um “olhar de fora”;

Desenvolvimento de plano de ação voltado à saúde emocional de servidores e estudantes. 

Relembre o caso de ontem: TRISTE: Estudante de 16 anos é encontrada morta na varanda de sua residência em Vilhena

Mais informações também em nossa página no Facebook AQUI

 

Veja também sobre Vilhena
Cargando...

Informações de contato

Planeta Folha

(69) 9842-96737

atendimento@planetafolha.com.br

2016 - 2018: Planeta Folha é uma publicação de Planeta Folha - ME. Todo o noticiário, incluindo vídeos, não podem ser publicados, retransmitidos por broadcast, reescritos ou redistribuídos sem autorização por escrita da direção, mesmo citando a fonte. Os conteúdos assinados são de responsabilidade de seus respectivos autores. As pessoas citadas nos conteúdos têm direito de resposta garantida. Dúvidas entre em contato! ou fale diretamente com nossa redação - (Fale conosco pelo WhatsApp)
Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo